As rádios emitem em várias frequências. Estes episódios, contudo, situam-se numa frequência diferente, não uma de rádio, mas de radio. Como em Radioterapia. Episódios de um tratamento oncológico (à suivre)
Sábado, 15 de Maio de 2010

é verdade, o cancro assusta. Até a mim, que sou uma valente, que rosno ao cancro com plena convicção, que sou forte e sei bem disso, até a mim ele me assusta.

Deixei de me sentir embaraçada e admito-o.

 

Sei que não vou morrer de cancro (pelo menos não deste!), não me meteu medo de morte nem foi uma wake-up call para passar a dar mais valor à vida, e viver um dia de cada vez e carpe diem. Nada disso. Mas assustou-me o facto de sentir tão pouco controlo sobre a minha vida, e de não ver aí lógica nenhuma. Sou uma descrente, não vejo mão divina nem destino em ter cancro aos 27 anos.

 

é assustador ter uma doença que não passa, ou melhor, que só passa daqui a 5 anos. Estar doente ao ponto de mudar os meus planos de vida e ter que mudar duas vezes de país, não porque o escolhi mas porque estou doente.

 

Estar assustada é, ao mesmo tempo, um desafio. Estou mais atenta ao meu corpo, e às minhas necessidades, valorizo mais facilmente do que antes os momentos bons e os bons dias de trabalho, aqueles bem produtivos. Estar assustada permite-me também levantar a cabeça, erguer o queixo, (re)lembrar-me que eu sou eu e que vou vencer, vou levar tudo à frente. Se isto fosse um combate de boxe, I would be the champion.

publicado por Silvina às 02:20
tags: ,

Olá Valentona,

é só para deixar um beijinho e dizer que já alterei a minha idade no perfil.

Tinha-me passado ao lado, mesmo, O que vale é que estás sempre atenta.

Obrigada
Susana Neves a 15 de Maio de 2010 às 10:07

;))

beijinhos de volta!
Silvina a 15 de Maio de 2010 às 15:30

És um exemplo a seguir : )

Beijinho e bom fim-de-semana :)
Light a 15 de Maio de 2010 às 10:57

thanks!
bom fim-de-semana pra ti também! :))
Silvina a 15 de Maio de 2010 às 15:32



mais sobre mim
pesquisar
 
Translation(s)
Últ. comentários
Desculpe mas percebeu mal: Tout va bien como uma e...
ainda bem que as coisas se resolveram e ela agora ...
Ja não. Tout va bien.
Ela ainda está em tratamento?
Faz por estes dias um ano que recebi um postal de ...
Tens-me feito tanta falta...beijinhos, muitos muit...
Radio Alertas




Partilhe a sua historia
Radio friendly Pub'


Kiva - loans that change lives

Estúdio Tatuagem Blood Oath Tattoos

Todas as palavras de Amor

Bau da Aurora artesanato

Mimos de Crochet


Creative Commons Licence