As rádios emitem em várias frequências. Estes episódios, contudo, situam-se numa frequência diferente, não uma de rádio, mas de radio. Como em Radioterapia. Episódios de um tratamento oncológico (à suivre)
Quarta-feira, 14 de Novembro de 2012

3a quimio de erbitux.
Sao 4:55 e so agora é que acabaram os saquinhos de medicamentos e de soro: nos intervalos de uns, o outro. Vou finalmente poder pregar olho. Deixaram-me um gosto esquisito na boca e gases na barriga. Ja fui à casa-de-banho cuspir e soltar mas nao ajudou muito. Ainda ficou ca tudo.

Ha dias em que estou farta que esta seja a minha vida.
Em que roubaria a vida a outros, calçando os seus sapatos e vivendo como eles vivem, a contar os tostoes mas saudavel, com uma dor de cabeça de vez em quando que passaria com uma aspirina. E poderia ir correr no parque, ou nas ruas do suburbio onde morasse, ao invés de nao poder correr e ter dores na perna das metastases. Eu sei que à distancia é mais facil viver a vida do outro do que la dentro; que nenhuma vida é idilica; que toda a gente tem problemas. Mas ha dias em que preferia ter os problemas dos outros e nao os meus.
publicado por Silvina às 05:08

Silvina, querida, todos nós temos dias em que desejamos uma vida como a dos outros. É apenas humano.
Se há quem tenha direito de o fazer, tu estás certamente na lista. Andamos todos nas nossas vidinhas, a queixar-nos da crise, da dor de cabeça, ou de outras coisinhas quaisquer - cada um se queixa daquilo que para si importa, à sua medida e no seu mundo. Mas como dizia hoje a D. Celeste, que faz a limpeza cá em casa, e que tem momentos de sabedoria - enquanto tivermos saúde e trabalho não temos do que nos queixar. A ti falta-te a saúde já há tanto tempo... passaste por tanto... se há quem tenha direito de se queixar, tu tens. E nós ouvimos de bom grado.
Um abraço
Eu a 14 de Novembro de 2012 às 14:31

Obrigada Eu*
Essa D. Celeste é uma pérola! ;)
Tenho momentos assim de queixume extremo, mas depois passa...

Um beijinho* grande
Silvina a 17 de Novembro de 2012 às 11:28



mais sobre mim
pesquisar
 
Translation(s)
Últ. comentários
Em Janeiro de 2016, aos 53 anos, foi-me diagnostic...
To Blog parabens pela radio !
Desculpe mas percebeu mal: Tout va bien como uma e...
ainda bem que as coisas se resolveram e ela agora ...
Ja não. Tout va bien.
Ela ainda está em tratamento?
Radio Alertas




Partilhe a sua historia
Radio friendly Pub'


Kiva - loans that change lives

Estúdio Tatuagem Blood Oath Tattoos

Todas as palavras de Amor

Bau da Aurora artesanato

Mimos de Crochet


Creative Commons Licence